Analisando o consumo de diferentes tipos de alimentos no Brasil- Pesquisa de Orçamentos Familiares

 

Habilidades da BNCC que podem ser trabalhadas

(EM13MAT409) Interpretar e comparar conjuntos de dados estatísticos por meio de diferentes diagramas e gráficos, como o histograma, o de caixa (box-plot), o de ramos e folhas, reconhecendo os mais eficientes para sua análise.

(EM13CHS402) Analisar e comparar indicadores de emprego, trabalho e renda em diferentes espaços, escalas e tempos, associando-os a processos de estratificação e desigualdade socioeconômica.

 

Recursos

  • Vídeo “Pesquisa de Orçamentos Familiares” - Agência de Notícias do IBGE

https://www.youtube.com/watch?v=X31NQ7_j1co

 

Objetivos

  • Compreender a importância da realização de uma pesquisa sobre a disponibilidade de alimentos nos domicílios dos brasileiros;
  • Analisar tabelas e gráficos com dados da Pesquisa de Orçamentos Familiares; e
  • Tendo como base os dados analisados, responder a um questionário sobre informações da pesquisa.

Conteúdos

  • Etapas de uma pesquisa;
  • Análise de gráficos e tabelas;
  • Alimentação dos brasileiros; e
  • Desigualdade socioeconômica no Brasil.

 

Primeira Etapa:

Educador, na publicação sobre a POF (Pesquisa de Orçamentos Familiares) são apresentados os resultados referentes às quantidades da aquisição de alimentos para consumo no domicílio, per capita, no ano, de alimentos e bebidas da população residente no Brasil em diferentes recortes geográficos, classes de rendimentos, situação do domicílio e formas de aquisição.

  • Converse com seus alunos sobre a alimentação no Brasil. Quais produtos mais consomem em suas casas, os impactos da desigualdade socioeconômica na alimentação, as diferenças regionais no tocante aos alimentos mais consumidos, entre outros temas.
  • Assista, junto com a turma, o vídeo: Vídeo “Pesquisa de Orçamentos Familiares” - Agência de Notícias do IBGE- https://www.youtube.com/watch?v=X31NQ7_j1co

Através desse vídeo, seus alunos conhecerão melhor a POF, seu processo de produção e poderão refletir sobre a sua importância.

  • Analise, junto com os alunos, a listagem dos grandes grupos de alimentação presentes da tabela 3. Observem, juntos, os dados sobre o consumo desses alimentos e converse com a turma fazendo comparações sobre seu consumo dos grupos alimentares pelos alunos.

Segunda Etapa:

  • Peça que os alunos, em grupo, analisem as tabelas e comentários sobre os dados, presentes no Boletim, das tabelas 03, 04, 05 e 06 e do gráfico 01.
  • Proponha aos alunos responderem aos questionário abaixo sobre as informações analisadas. Lembrando que esse roteiro de perguntas pode ser adaptado para sua turma.

 

  1. Quais alimentos com as maiores diferenças, com relação ao volume de aquisição per capita, quando comparamos domicílios das áreas urbana e rural?
  2. Quais alimentos tiveram, de acordo com a Grande Região, consumo acima da média nacional?
  3. Com relação às classes de rendimento, o que podemos perceber nas diferenças do consumo dos grandes grupos de alimentos?
  4. Ao compararmos os dados das três últimas edições da POF, quais foram os alimentos que tiveram aumento e quais tiveram queda no consumo? Analisando as mudanças sociais no Brasil, tente formular hipóteses que expliquem essas diferenças.

 

Complementando

É importante que os alunos compreendam também o trajeto desses alimentos até a mesa dos brasileiros. Pensar em consumo alimentar, nutrição, desigualdades socioeconômicas na alimentação, requer o acesso à informações sobre a produção agrícola e pecuária no Brasil. Dessa maneira, indicamos o site com os resultados do Censo Agro, realizado pelo IBGE em 2017, para que os alunos possam conhecer esses dados: https://censos.ibge.gov.br/agro/2017/resultados-censo-agro-2017.html